O caminho, é a queda

O filme se repetiu nesse domingo. Jogando um futebol pífio, o Grêmio sofreu mais uma derrota no campeonato brasileiro. E a forma como foi retrata bem a cartilha do time que será rebaixado.

 

O jogo foi feio, ambas as equipes pareciam com medo de tentar algo, pois estavam na zona de rebaixamento. A equipe comandada por Felipão entrou na partida com três zagueiros e precisando da vitória.

 

Mesmo com uma formação nova, o time não apresentou nada novo e seguiu insistindo com chutões para frente e para dentro da área. Sem triangulação, sem jogada em profundidade, o Grêmio é o time mais previsível da temporada.

 

A derrota veio no final da partida após confusão na área. O tricolor segue a risca, a cartilha do rebaixamento.

 

DIREÇÃO NÃO MUDARÁ

 

Mesmo com a derrota, a direção ainda dá respaldo para Felipão. O treinador vem sofrendo bastante pressão por parte da torcida pelo seu jeito defensivo de colocar o time a jogar e não conseguir bons resultados.

 

Romildo Bolzan Junior, que vivia sempre em lua de mel com o torcedor, já não é mais o querido da torcida. Muitos não podem nem se quer ouvir falar o nome do presidente gremista. Foge de coletivas após os jogos e mostra que sem Renato, é totalmente incompetente para comandar uma instituição gigantesca. Se com Romildo o Grêmio foi tri da Libertadores, com o mesmo será rebaixado.

 

Outra vez o Grêmio fez uma péssima partida, novamente foi derrotado e o barco segue afundando com o comandante dizendo que está tudo bem e controlado.