fbpx
28.1 C
Rio Grande do Sul
segunda-feira, setembro 20, 2021

Teríamos mais um escândalo em Canoas?

Será que mais uma vez os últimos serão os primeiros, na cidade do avião?

Informações obtidas com funcionários da WK Inovattis informam que ninguém recebeu o aviso prévio, mesmo o contrato terminando agora no final do mês.

Tudo leva a crer que a empresa WK, administrada por uma ex-funcionária da prefeitura de Canoas, Jerusa Fofonka Machado, hoje sócia da Centauro Partnes consultoria, uma das sócias da WK Inovattis, vai continuar prestando os serviços nas escolas.

Ainda não divulgado o resultado da contratação emergencial, mesmo após duas semanas da cotação do orçamento, a administração de Canoas deixa suspeito o resultado do orçamento solicitado.

A informação que chega até nós, é que possivelmente a WK tenha mandado o orçamento com o maior valor, mas deve ser a ganhadora da cotação.

Queremos saber qual será o prejuízo que os canoenses terão que pagar desta vez. Qual seria a ligação do prefeito Jairo Jorge com a Jerusa Machado, atual sócia da Centauro, e que atuou no conselho de educação de Canoas entre 2013 e 2015 na antiga gestão do atual prefeito e cabo eleitoral do Jairo na última eleição? E qual seria a ligação do Jairo, Jerusa e o secretário adjunto da educação Aristeu? Essas relações estão um tanto quanto estranhas e deveria o Ministério Público investigar.

Ficará muito feio para o atual prefeito Jairo Jorge mais uma vez permitir que a terceira colocada vença uma emergencial e prorrogue seu tempo, em um monopólio sem fim na cidade de Canoas.

Será que mais uma vez os últimos serão os primeiros, na cidade do avião?

 

 

 

Conteúdo Pagospot_img
Wagner Andradehttps://realnews.com.br/
Jornalista e CEO da Real News
Ultimas
Conteúdo Pago
Leia também
Conteúdo Pago