fbpx
13.7 C
Rio Grande do Sul
quinta-feira, agosto 5, 2021

Para dar dinheiro à Sogal não há opinômetro

Mais R$600 mil em passagem para a empresa, isso ninguém pede opinião para a população, simplesmente é feito.

Simples e objetivo, quando se trata de dar dinheiro público para a Sogal não há “opinômetro”na cidade. Mais R$600 mil em passagem para a empresa, isso ninguém pede opinião para a população, simplesmente é feito.

Existem dois sentimentos nisso, vergonha e revolta. Vergonha por ter uma administração que pega o seu, o meu, o nosso dinheiro para “financiar” as contas de uma empresa que todos já conhecem a real situação. Revolta, é sentimento que está estampado na cara da população cansada de ver os impostos serem simplesmente despejados em um balde de água que já não tem apenas um furo, já não tem mais fundo.

Até quando essa gestão e o atual prefeito irão continuar com essa prática totalmente imoral com o suor da população Canoense? Até quando? Em 120 dias a gestão já repassou R$3,4 milhões. Até quando?

Opinômetro só quando convém é fácil, quero ver o atual prefeito perguntar para a população em massa, o que eles pensam sobre esse dinheiro desperdiçado em uma empresa que não tem mais futuro.

Conteúdo Pagospot_img
Wagner Andradehttps://realnews.com.br/
Jornalista e CEO da Real News
Ultimas
Conteúdo Pago
Leia também
Conteúdo Pago