fbpx

FRAUDE PANDÊMICA: POLITIZAÇÃO CONTRA A VIDA

TIC TAC...

Leia Mais

Carina Beloméhttps://realnews.com.br/
Jornalista, conservadora e patriota

Por que tanto terrorismo acerca do vírus que nasceu na China? Ele existe, fere e mata, mas tem tratamento que foi totalmente demonizado por grandes mídias, militância e elite política alegando “falta de respaldo científico” a medicamentos com anos de uso no mundo? O que tem por trás disso tudo? Será mesmo que os números de infectados e mortos corresponde aos fatos?

Assistam a fala de nosso Presidente Jair Messias Bolsonaro, clica no link: BOLSONARO fala de relatório do TCU sobre possível fraude no número de óbitos por COVID.

Um emaranhado de informações que deixa a população paralisada, confusa e perturbada começa a ter suas arestas escancaradas com as investigações sobre os desvios de recursos do governo federal para os Estados, mas agora uma nova suspeita nasce, o número real de óbitos e a CPI da Covid19, bom, a CPI é uma vergonha que não nos irá mostrar a verdade, pois ela está ali somente para palco político para 2022 e tentar desgastar o governo federal, embora ele estejam fazendo o contrário. Falaremos da CPI da Palhaçada em outro momento e que dela nada podemos esperar caso confirme o relatório do TCU, pois acaba por si só.

Se for confirmada a fraude na contagem de óbitos para que houvesse pânico, destruição dos cofres e da economia em nome dos casos que nunca existiram em sua total contabilidade, os médicos e hospitais que pactuaram/pactuam de falsos atestados de óbito devem responder um a um por alimentarem essa tragédia anunciada às famílias que não tiveram a chance de velar os seus entes queridos, que deverão ser bem indenizadas sem pestanejar. Assim como todos os envolvidos nos desvios de recursos.

Que venha o COVIDÃO!

 

Um trecho de um relatório elaborado pelo TCU (Tribunal de Contas da União), o qual o blog conseguiu por meio de fontes do Palácio do Planalto, levanta suspeitas sobre o real número de mortes em decorrência da covid-19 em 2020.De acordo com o documento, apenas quatro em cada dez óbitos (41%) registrados por complicações da doença seriam efetivamente resultado da contaminação pelo vírus.

Os outros 59% das mortes – cerca de 115 mil casos – teriam sido anotados de forma errada como covid-19. Nesta manhã, o presidente Jair Bolsonaro antecipou a informação a uma plateia de apoiadores no Palácio do Alvorada, em Brasília.

Os dados, supostamente superdimensionados, teriam ocorrido por falhas nas notificações, alerta o texto emitido pelo TCU ao Blog do Nolasco, no portal R7.

“Repete-se o que foi supramencionado, que não há evidências de que os entes subnacionais estejam supernotificando o número de casos da doença a fim de receberem mais recursos federais. No entanto, pode haver erros de notificação e a análise acima busca trazer ao questionamento se os dados de mortalidade decorrentes da Covid-19 estão corretos”, assinala o documento.

Enquanto isso, esperamos ansiosos pelo tal relatório do TCU NA ÍNTEGRA acerca da possível fraude nos números de óbitos por COVID19, onde mais de 50% das mortes parece não terem sido em nome do vírus chinês e que a militância insiste em colocar na conta do presidente que vem reerguendo o país para que mais tragédias não aconteçam.

Pergunta: conheces alguém que faleceu por outra causa e teve no seu obituário como origem do óbito a COVID19?

Fraudemia? Vamos aguardar e que a verdade vença sempre. Os responsáveis pelo caos terão que se explicar e pagar essa conta, além de terem que parar atrás das grades.

“E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”. João 8:32

CARINA BELOMÉ

jornalista por atuação, armamentista, conservadora

 

Siga no Instagram @carinabelome38

Apresentadora e comentarista no programa BASTIDORES DE BRASÍLIA NEWS –

Youtube Café com Carina Belomé

More articles

- Advertisement -

Ultimas